Logo Jornal

Terça-Feira, 23 de Abril de 2024




Alesc

Imigração Italiana é homenageada na Assembleia Legislativa

Visite nossa rede social @rcnonline_sc

A sessão solene, proposta pelo deputado Dr. Vicente Caropreso, celebrou os 150 anos de imigração italiana no Brasil

Imigração Italiana é homenageada na Assembleia Legislativa
Foto: Foto: Solon Soares // Agência AL
-

Na noite desta segunda-feira (26), a Assembleia Legislativa de Santa Catarina sediou uma sessão especial dedicada a comemorar os 150 anos da imigração italiana no Brasil. A iniciativa, proposta pelo deputado Dr. Vicente Caropreso (PSDB) e presidida pelo deputado Mauro de Nadal (MDB), presidente da Casa, reuniu autoridades, representantes da comunidade ítalo-catarinense e diversos segmentos da sociedade para celebrar e reconhecer a marcante contribuição dos imigrantes italianos para o desenvolvimento cultural, econômico e social do país.

O evento destacou a importância histórica da chegada dos italianos em terras brasileiras, especialmente em Santa Catarina, onde deixaram um legado significativo em áreas como arquitetura, gastronomia, agroindústria e cultura. O presidente da Frente Parlamentar Brasil-Itália, deputado Vicente Caropreso, expressou sua emoção ao dirigir-se aos presentes: "É com grande honra que celebro os 150 anos da Grande Imigração Italiana no Brasil. Esta é uma ocasião para reconhecermos a coragem e o trabalho árduo dos bravos imigrantes italianos, que contribuíram decisivamente para o desenvolvimento do nosso país."

Durante a cerimônia, foram homenageadas 21 entidades que preservam a memória dos imigrantes italianos, incluindo o Museu Histórico do Vale do Itajaí-Mirim, Casa de Brusque, Arquivo Público de Santa Catarina e a cônsul-geral da Itália para os estados do Paraná e Santa Catarina, Eugênia Tiziana Berti. A presença de representantes da Itália, políticos e membros de círculos italianos enfatizou a importância da relação entre os dois países.

Em entrevista à RCN, o deputado Dr. Vicente Caropreso ressaltou a relevância do reconhecimento da cultura italiana no Brasil, especialmente em Santa Catarina, estado com a maior concentração de descendentes italianos do país. Ele destacou os valores e tradições italianas que se mantêm vivos na sociedade catarinense, influenciando não apenas a gastronomia e a língua, mas também o estilo de vida e o senso de comunidade.

"Bom, nós temos um relacionamento muito forte com o Consulado Geral de Curitiba, e resolvemos portanto fazer, como faz parte inclusive do calendário da Embaixada da Itália no Brasil, uma homenagem aqui, porque Santa Catarina é onde tem mais descendentes italianos no Brasil. É um dos estados que mais têm pessoas com a dupla cidadania, e isso explica tudo. Aqui o nosso desenvolvimento tem sangue italiano pulsando. E o que é o sangue italiano? É a gastronomia, é a eloquência, é o falar alto, é o beijo no pescoço, é a mama e a nona que preparam os almoços e as jantas, enfim, querendo ver a família reunida. Isso é o italiano. Essa é a descendência que todos nós temos e, por isso, um resgate desses 150 anos de pessoas que vieram aqui não sabendo para onde iriam", destaca.


Imagens

logo_rodape

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br