RCN IMPRESSA
Notícias e reportagens publicadas em jornais de todo o Estado
RCN IMPRESSA

Evento sobre empreendedorismo reunirá mais de 100 palestrantes em SC

Confira as notícias da edição da RCN impressa desta semana

Fernanda Kleinebing | Agência Adjori/SC de Jornalismo
Foto: Fernanda Kleinebing/ Agência Adjori/SC de Jornalismo

Arquivos

Segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) o valor médio da gasolina subiu pela quarta semana consecutiva no país e registrou um novo recorde. O valor médio do litro foi de R$ 7,283 para R$ 7,295. O estudo foi realizado em cerca de 5 mil postos de combustíveis no país e mostrou que o valor é o maior desde 2004. O valor mais caro do país, de R$ 8,999 o litro, foi registrado em Tubarão, na região Sul do Estado.

Na última semana, sindicatos de revendas de combustíveis de Santa Catarina anunciaram que irão entrar na justiça contra o governo do Estado. As entidades alegam que é ilegal a cobrança sobre a diferença entre o preço que é recolhido o imposto nas refinarias e o preço de venda nas bombas, o que poderá aumentar ainda mais os valores pagos pelos consumidores finais.

O secretário de Estado da Fazenda, Paulo Eli, afirmou que o governo não aumentou o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). "Nosso ICMS continua o mesmo, é 12% para o diesel e 25% para a gasolina. Na realidade, os postos de gasolina, tal qual a Petrobras, estão fazendo especulação, esse é o problema. A Petrobras, que publicou o lucro astronômico, e os postos estão tendo seus lucros cada vez maiores, mas o ICMS continua o mesmo, e é há 30 anos assim", explicou o secretário.

Impacto na inflação

A alta nos combustíveis têm impacto direto nos preços de produtos e serviços consumidos pelas famílias catarinenses. Segundo o Índice de Custo de Vida (ICV), calculado pela Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), o aumento médio de preços em Florianópolis, capital catarinense, foi de 0,97% em abril e a inflação acumulada nos últimos 12 meses está em 11,71%.

O estudo apontou também que os preços ligados aos transportes, como em combustíveis e passagens aéreas, foram os principais responsáveis pela alta. Estes preços aumentaram 2,82% no mês passado. Os aumentos que mais pesaram neste grupo foram os dos combustíveis para automóveis, com crescimento de 5,1% e das passagens aéreas, que cresceram 8,1%.

Sobre a RCN Imprensa

A página da Rede Catarinense de Notícias, elaborada pela Agência Adjori de Jornalismo, é o conteúdo impresso mais visto de Santa Catarina. A página circula semanalmente em mais de 40 jornais de todas as regiões do Estado. A tiragem somada dos participantes supera 130 mil exemplares.

A publicação iniciou em 2002 e segue de forma ininterrupta até hoje. Já são mais de 600 edições contando os principais fatos de Santa Catarina.

Confira a página completa: 



logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br