em alta

Cooperativas de SC cresceram 13,7% em 2019

Setor movimentou mais de R$ 40,7 bilhões. Avanço foi quase o dobro do registrado em 2018, de 7,9%

Foto: Felipe Götz/O Celeiro

Nesta segunda-feira (4), a Organização das Cooperativas do Estado de SC (Ocesc) divulgou os resultados do setor em 2019. O balanço mostra um crescimento de 13,7% e receita operacional bruta de R$ 40,7 bilhões. A expansão foi 12 vezes maior do que o crescimento da economia do país. 

Ao apresentar avaliações e projeções, o presidente da entidade, Luiz Vicente Suzin, destacou que em 2019 o setor investiu na base produtiva, na diversificação de produtos e serviços e na qualificação de colaboradores, dirigentes e associados. 

Para ele, as cooperativas racionalizaram a gestão, otimizaram os processos, elevaram o grau de excelência em produtos e serviços e ampliaram posição no mercado.

As cooperativas cresceram o dobro que o ano anterior. Em 2018, o incremento foi de 7,9% e o faturamento de R$ 35,8 bilhões.

Suzin expôs que o ano de 2019 foi excepcionalmente bom para as cooperativas, especialmente dos ramos de crédito e agropecuário. "Essa situação não se repetirá em 2020 em decorrência do quadro de pandemia que afeta o Brasil e o mundo", prevê o dirigente.

Segundo a Ocesc, o setor reúne 2,7 milhões de associados e mantém mais de 67,5 mil empregos diretos. 


Ramos

As 47 cooperativas agropecuárias representam 63% do movimento econômico de todo o sistema cooperativista catarinense. No conjunto, essas cooperativas mantêm um quadro social de 72,5 mil cooperados e um quadro funcional de 43,2 mil empregados. O faturamento anual do ramo agropecuário totalizou R$ 25,8 bilhões.

O ramo de crédito apresenta o maior número de associados e a segunda posição em movimento econômico. As 61 cooperativas de crédito reúnem R$ 1,9 milhão de cooperados, mantêm 10,4 mil empregados e movimentaram R$ 6,1 bilhões no último ano.

O ramo de saúde, com 31 cooperativas e 17 mil associados, faturou R$ 4,4 bilhões. Emprega 7,1 mil pessoas. O ramo de transporte, formado por 45 cooperativas, teve R$ 1,9 bilhão de movimento, beneficiando 6,3 mil cooperados.

No ramo de infraestrutura atuam 38 cooperativas de eletrificação rural com 350,6 mil associados. Em 2019, essas cooperativas faturaram R$ 1,1 bilhão. Mantêm um quadro funcional de 1,8 mil colaboradores.

As 19 sociedades cooperativas que atuam no ramo de consumo com 294,9 mil associados, faturaram R$ 1,1 bilhão no ano passado. Sustentam 3,2 mil empregos diretos.

Os ramos de trabalho, produção de bens e serviços, mesmo com menor expressão econômica, são instrumentos para a promoção de renda às pessoas físicas, que organizadas na forma de cooperativas prestam serviços especializados aos mais diversos segmentos da sociedade. São 13 cooperativas formadas por 2,2 mil cooperados que, em 2019, geraram R$ 30,4 milhões em receitas.







logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br