Logo Jornal

Domingo, 3 de Março de 2024




Eleições Municipais

Em Brusque, MDB quer seguir acordo do prefeito de Florianópolis (PSD) nas eleições 2024

Visite nossa rede social @rcnonline_sc

Presidente municipal do MDB, William Molina, fez críticas ao atual chefe do Executivo, André Vechi (PL), que rebateu as críticas, conforme relata o jornal O Município, de Brusque

Em Brusque, MDB quer seguir acordo do prefeito de Florianópolis (PSD) nas eleições 2024
Foto: Divulgação
- William Molina (esquerda), presidente do MDB em Brusque, ao lado de sua esposa Sugui Molina (centro) e o ex-prefeito Ari Vequi (direita)

O MDB de Brusque traça planos para tentar voltar à prefeitura nas eleições de 2024. O partido chefiou o Executivo até maio do ano passado, quando deixou a gestão após a cassação do ex-prefeito Ari Vequi. A preferência do MDB é se aliar ao União Brasil e ao PSD em Brusque para enfrentar o governo do PL do prefeito André Vechi.

De acordo com o presidente municipal do MDB, William Molina, ex-secretário de Fazenda de Brusque, o partido vai apresentar a nominata de pré-candidatos a vereador ao presidente do MDB-SC, deputado federal Carlos Chiodini, na próxima semana. Recentemente, foram realizadas reuniões entre os membros da sigla.

“O MDB tem interesse em compor uma chapa majoritária (prefeito ou vice) com estes partidos (União e PSD)”, afirma Molina. O presidente do partido comenta que os emedebistas também conversam com outros siglas, mas a preferência é por estas duas, seguindo a aliança da capital.

Molina diz ainda que o MDB cogita filiar o ex-prefeito Jonas Paegle (PRD). A ideia é que ele participe da chapa majoritária ao cargo de prefeito ou vice, mas também pode tentar uma cadeira da Câmara de Vereadores.

Críticas ao governo

Na eleição de 2023, Molina foi candidato a prefeito pelo MDB, em disputa que André Vechi levou a melhor e foi eleito. O presidente da sigla critica a atual gestão e aponta problemas relacionados às áreas de saúde e educação, mas destaca negativamente a infraestrutura. “É uma série de obras não feitas por causa de falta de competência”.

Além disso, Molina faz ataques pessoais a André Vechi. O presidente do MDB considera o prefeito “esnobe” e diz que “ele foi eleito prefeito, e não rei de Brusque”. Os dois trabalharam juntos na antiga Secretaria de Governo e Gestão Estratégica do governo Jonas Paegle e eram próximos até antes da eleição de 2023.

O prefeito se manifestou sobre as falas de Molina. “Não me surpreende ver a disposição do MDB local em ser submisso aos grupos políticos de Ciro Roza e Jones Bosio. Sobre as outras questões, a gestão anterior teve sua avaliação nas urnas há 5 meses, com 8% dos votos. Em relação às críticas, diferente do que foi dito pelo presidente do MDB, temos recebido um retorno muito positivo do nosso trabalho, seja nas ruas ou no gabinete aberto, onde sempre estamos em contato com a população, diferente da gestão passada”, disse Vechi.

Jornal O Município, de Brusque

logo_rodape

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br