poder

CPI aprova convocação do secretário de Administração, Jorge Tasca

Pedido é baseado em participação em conversas sobre compras e em construção de PL

Foto: Maurício Vieira/Secom

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) criada na Assembleia Legislativa de SC (Alesc) para apurar a compra dos 200 respiradores da Veigamed aprovou nesta terça-feira (30) requerimento para convocação do secretário de Estado da Administração, Jorge Eduardo Tasca. 

O pedido, feito pelo relator Ivan Naatz (PL), tem base em um grupo de conversas em WhatsApp chamado 'Covid-19 compras' em que Tasca participa dando dicas e informações sobre as aquisições. As conversas foram disponibilizadas aos membros da CPI.

"É possível perceber por diversas vezes a participação do senhor Jorge Tasca no procedimento nas compras emergenciais no que diz respeito à Covid-19. Existem diversas intervenções do secretário Tasca", disse Naatz.

Além disso, o parlamentar disse que os registros de mensagens apontam para que Tasca participou da construção do Projeto de Lei (PL) que permitia o pagamento antecipado. O PL entrou na Assembleia antes do pagamento à Veigamed, mas o governo o retirou no dia seguinte. O objetivo é ouvir Tasca na próxima terça-feira (7).

A CPI também aprovou um pedido ao Tribunal de Contas (TCE) para cessão de um servidor para dar auxílio técnico à Comissão.



logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br