manifestação

Banquete público é oferecido em defesa do Consea

19 Fevereiro 2019 10:52:00

Mobilização é contra a MP 870, que revoga artigos da Lei Orgânica de Segurança Alimentar e Nutricional

Foto: Divulgação

Um banquete público gratuito acontecerá no centro de Florianópolis, no dia 27 de fevereiro, a partir do meio-dia, no Largo da Catedral. A mobilização antecede a votação, no Congresso Nacional, da Medida Provisória 870, adotada pelo presidente Jair Bolsonaro, e que revoga artigos da Lei Orgânica de Segurança Alimentar e Nutricional (LOSAN, Lei 11.346/2006). A atividade pretende chamar a atenção e pressionar os parlamentares para que não aprovem a Medida, prevista para ser votada no dia 28. Se aprovada, a MP praticamente extingue o Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea), afirma a presidente do Consea/SC, Rita de Cássia Maraschin da Silva.

Chamado de "Banquetaço", as refeições serão preparado por chefs e cozinheiros. Os alimentos oferecidos são produzidos pela agricultura familiar e por povos e comunidades tradicionais. Também serão aproveitadas frutas, legumes e verduras que seriam descartados.

Sobre o Consea

Criado em 1993, o Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional é um dos principais espaços de construção de políticas públicas para alimentação, reunindo diversos setores da sociedade civil e do governo. Ao longo de sua atuação, colaborou na construção e qualificação de políticas como o Plano Safra da Agricultura Familiar, o Programa de Aquisição de Alimentos, o Programa Nacional de Alimentação Escolar, além de atuar fortemente pela rotulagem de alimentos transgênicos e pela redução do uso de agrotóxicos.

Nesse trabalho de promoção da alimentação saudável, adequada e para todos brasileiros, o Consea colaborou, por exemplo, para que o Brasil saísse do Mapa da Fome da FAO (Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura) em 2014. "Em Santa Catarina, o Consea defende a Agroecologia e a alimentação orgânica e saudável, além de ter como pautas prioritárias o desenvolvimento social e econômico dos agricultores familiares, urbanos, periurbanos e dos povos e comunidades tradicionais", explica Rita de Cássia. Além disso, diz ela, atua fortemente pela redução do uso de agrotóxicos e sementes transgênicas, tendo construído no ano passado um Programa de Agrobiodiversidade que valoriza o uso de sementes crioulas na agricultura.

Banquetaço

A presidente do Consea/SC explica que o Banquetaço é fruto de um movimento político suprapartidário que mobiliza a sociedade civil, movimentos sociais, organizações, coletivos e profissionais em defesa da boa alimentação no Brasil. Sua primeira edição foi em 2017, para protestar contra a Farinata (ração humana) do ex-prefeito de São Paulo, João Dória. Em 2019, a ação deve ocorrer em pelo menos 29 cidades brasileiras para lutar contra a extinção do Conselho, o abandono das políticas públicas de segurança alimentar e nutricional e o retorno do Brasil ao Mapa da Fome.


Foto: Divulgação







logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 901 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br