PELO ESTADO
Notícias e reportagens publicadas em jornais de todo o Estado
Pelo Estado

BRs prontas até 2022

BRs prontas até 2022


Arte: Murici Balbinot/RCN

O superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes em Santa Catarina (DNIT-SC), Ronaldo Carioni Barbosa, acredita que todas as obras em andamento nas rodovias federais que cortam Santa Catarina devem estar concluídas até 2022. Com isso, novos trechos poderão receber investimentos. Atualmente, são cinco as rodovias com obras ativas: BRs-470, 282, 280, 285 e 158. Apesar de estarem em andamento, o ritmo é lento devido à falta de recursos. "E esse ritmo tende a ficar mais lento, porque a gente está esgotando os recursos", admitiu Barbosa. O DNIT-SC aguarda uma possível suplementação de repasses. Tramita na Comissão Mista de Orçamento o Projeto de Lei do Congresso Nacional 42/2019, que pode incrementar em R$ 20 milhões a destinação para a BR-280 e em R$ 45 milhões para a BR-470. Mas recursos de orçamento e de emendas estão quase todos esgotados para 2019. Apesar disso, Barbosa prevê entregas já para o ano que vem. "A BR-285 [em Timbé do Sul] nós entregaremos em dezembro de 2020. A BR-470 vamos entregar o lote 2 [Luiz Alves a Gaspar] até o fim de 2020. O lote 1 [Navegantes a Gaspar] em meados de 2021. O lote 4 [Blumenau a Indaial] é para o final de 2022", enumerou. "A BR-280 nós vamos entregar 31 km, de 74 km, mais o túnel [entre Jaraguá do Sul e São Francisco do Sul]. Já nas BRs-282 e 158 [trecho no Oeste], vamos avançar bem nas terceiras faixas, e a Via-Expressa em Florianópolis vamos dar segmento com acostamento", completou. As obras na BR-163 ainda não começaram. O DNIT-SC lançou um modelo de contratação diferenciado para acelerar o processo. "A licitação é com um anteprojeto. A empresa faz um projeto básico, a gente aprova. Aí detalham esse projeto transformando de básico em executivo. A hora que o executivo estiver aprovado, aí eles podem fazer a obra", explicou o superintendente. Para ele, o cenário deve ser melhor a partir do ano que vem. "As coisas estão mudando. O governo executou esse ano o orçamento que veio do governo anterior. O novo governo norteou o investimento de forma mais acertada, do nosso ponto de vista. A gente acredita que ano que vem o orçamento vai ser melhor." 



Federalização

No radar do DNIT estão três trechos em processo de federalização: A BR-163, entre São Miguel do Oeste e Itapiranga (parte Sul), a SC-283, entre Itapiranga e Concórdia, e o restante da BR-285, até o entroncamento com a BR-101. Com isso, o Departamento ganha mais de 300 km de malha. Segundo Barbosa, o DNIT-SC tem capacidade para assumir esses novos trechos, já que 220 quilômetros da BR-101 Sul estão sendo concessionados e sairão da responsabilidade do órgão. O maior desafio é a SC-283. Segundo o governador Carlos Moisés da Silva, a transferência faz parte dos planos. "Isso está no escopo do governo. Só que hoje o governo federal, por conta de limitação orçamentária, vai acabar o que tem que fazer. Terminar essas contas que ficaram pelo caminho. O ministro Tarcísio [de Freitas, da Infraestrutura] pediu um pouco de paciência porque ele quer saldar essas contas que são mais prementes", disse.


Foto: Divulgação



Credenciamento das entidades e de profissionais para a realização de exames físicos e mental no Detran será tema de uma segunda audiência pública na Assembleia Legislativa. Proposta pelo deputado Marcos Vieira (PSDB) e aprovada na Comissão de Trabalho e de Serviços Públicos, a audiência será realizada na segunda-feira (18), a partir das 14 horas, no Plenarinho da Casa. Assim como na primeira audiência pública, que aconteceu em 2 de setembro, a próxima audiência reunirá médicos, psicólogos e órgãos do governo. A intenção é mais uma vez viabilizar o diálogo. "Na primeira audiência ficou acordado que alguns itens das demandas seriam revistos pelo Detran, o que até o momento não aconteceu. Então, vamos de novo tentar que as partes conversem", explicou Vieira.



Descendentes Conselheiro da Câmara de Comércio Itália-Brasil, Diego Mezzogiorno é um dos convidados para expor a questão dos descendentes de italianos como meio de incrementar os negócios do setor hoteleiro na maior feira italiana do setor, marcada para os dia 22. É a primeira vez na história que o evento abre espaço para o tema. E também é a primeira vez que um brasileiro é convidado a participar da feira como debatedor.



Missão Técnica New York, realizada pela Fecomércio/SC e pelo Senac/SC, já tem data para acontecer: será realizada de 9 a 17 de janeiro de 2020. Será a nona edição da Missão NY, que terá programação variada: visitas técnicas a empresas reconhecidas no segmento varejista, workshop internacional exclusivo com professores da Universidade de Ingolstadt, da Alemanha, e a participação no maior evento de varejo do planeta, o Retail's Big Show, promovido há mais de um século pela National Retail Federation (NRF). Informações podem ser obtidas no link.



Destaque catarinense A EDP, empresa que atua em todos os segmentos do setor elétrico, anuncia as startups que participarão do módulo América Latina de seu programa global de aceleração, o Starter Acceleration Program. As 10 eleitas são do Brasil e do México. Entre as brasileiras está a catarinense Thermo-Off, selecionada na categoria Energia Limpa. A startup apresentou um revestimento, desenvolvido com base em nanotecnologia, com alto poder de refletir raios infravermelhos, o que ajuda a reduzir custos com energia. Depois de uma semana de imersão, a equipe da Thermo-Off vai desenvolver as propostas de projetos-piloto junto à EDP, com mentorias das aceleradoras.






logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br