Cooperativismo

Programa Mulheres Cooperativistas formou mais de 300 participantes em 2019

Atualmente Santa Catarina tem mais de 900 mil mulheres cooperadas, o que representa 38% do total

Foto: Divulgação

No ano passado o programa Mulheres Cooperativistas, desenvolvido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop/SC), formou 354 mulheres em 12 cooperativas catarinenses. A formação é dividida em seis módulos e tem como objetivo promover a educação cooperativista e a participação feminina no quadro social das cooperativas.

"Entendi bem o que é cooperativismo e isso mudou muita coisa na minha vida. Esse programa veio para abrir novos caminhos nas nossas vidas e nos nossos trabalhos", afirmou a cooperada Maristela Lisot.

Dados da Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina (Ocesc) mostram que atualmente o Estado têm 936.597 cooperadas, equivalente a 38% do total. O presidente do Sescoop/SC, Luiz Vicente Suzin, destacou a participação feminina no cooperativismo catarinense. "Reconhecemos a importância da participação feminina nas cooperativas de Santa Catarina, seja na área produtiva ou administrativa", afirmou.

Em 2019, as cooperativas participantes foram: Auriverde, Cooperitaipu, Cooperalfa, Cooperja, Cooperjuriti, Coopervil/Sicoob Vale do Vinho, Cravil, Sicoob Crediaraucária, Sicoob Creditapiranga e Sicoob Credivale. 

"O programa trabalha bastante o pessoal, o ser humano. Aprendemos como é importante se conhecer e se valorizar e, quando você está bem consigo, você trabalha mais os negócios. Eu tive uma mudança significativa no meu posicionamento", enfatizou a cooperada Mirele Ritter Grutzman. 


logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br