Brasil

Sicoob concede isenção de tarifa sobre limite de cheque especial

Mesmo com autorização do BC, instituição não cobrará tarifa de cliente com limite acima de R$ 500

Foto: Divulgação/Freepik

O Sistema Sicoob não irá cobrar de seus associados a tarifa de até 0,25% ao mês sobre limites acima de R$ 500 no cheque especial, autorizada pelo Banco Central (BC) a partir da última segunda-feira. Segundo as novas determinações, clientes com até R$ 500 de limite não pagam tarifa. Além disso, os bancos não podem cobrar juros acima de 8% ao mês.

Para o diretor de Negócios do Sicoob Central SC/RS, Olavo Lazzarotto, a decisão corrobora com o objetivo da instituição de promover justiça social. "O Sicoob sempre se destacou por oferecer taxas e juros, na média, mais baratas do que os bancos e outras instituições financeiras, por isso, nada mais coerente do que isentar totalmente o cooperado, que é cliente e dono da cooperativa", comentou.

No Sicoob, antes mesmo da determinação do BC, a taxa média de juros praticada nos onze primeiros meses do ano passado foi de 5,7%. O diretor de Desenvolvimento e Supervisão do Sicoob Confederação, Francisco Reposse Junior, afirmou que a instituição trabalha sempre ao lado do BC em prol do consumidor final, principalmente, em relação as linhas de créditos mais utilizadas pelos brasileiros. 

"Nossa missão é facilitar o acesso a produtos e serviços financeiros, equilibrando as médias cobradas pelo mercado e gerando uma maior justiça financeira nas comunidades e regiões nas quais atuamos", ressaltou.

A instituição inaugurou 239 novas agências nos nove primeiros meses de 2019 e atualmente reúne 4,6 milhões de cooperados em 1.795 municípios brasileiros.

 

mais sobre:

Sicoob Economia


logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br