mercado

Santa Catarina registra alta de 3,5% na inadimplência

Alta foi puxada por Blumenau (7%), Joinville (6,2%), e Rio do Sul (5,8%). Entre as dez cidades pesquisadas, apenas Lages apresentou queda

Foto: Murici Balbinot

O número de catarinenses inadimplentes cresceu 3,5% no primeiro semestre, segundo dados da Boa Vista e da Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc). Pelo histórico, este é o maior crescimento para o período dos últimos cinco anos. 

O crescimento foi registrado em quase todas as cidades pesquisadas. Os maiores aumentos ocorreram em Blumenau (7%), Joinville (6,2%), e Rio do Sul (5,8%). Na contramão, Lages (-0,7%), São Bento do Sul (0,8%) e Criciúma (2,7%) apresentaram os melhores resultados. 

Apesar da alta na inadimplência, o Estado também registrou aumento da recuperação do crédito, de 5,8%, segundo a pesquisa. Segundo o economista da Facisc, Leonardo Alonso Rodrigues, o índice de recuperação acima da inadimplência é positivo. "É possível apontar uma recuperação do crescimento econômico no Estado mais acelerado do que acontece no país", disse . 

"Santa Catarina vem mantendo um crescimento econômico neste primeiro ano de 2019, porém, em menor proporção ao que ocorrera nos últimos dois anos. Mesmo diante desse cenário, é esperado também que o estado continue mantendo um crescimento acima da média nacional", afirmou. 




mais sobre:

Economia Geral Facisc




logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br