desconfiança

Para 61% dos brasileiros, economia do país está ruim ou muito ruim

24 Maio 2019 08:40:00

Na comparação com o início do ano, confiança caiu 4,3%. Principais motivos são desemprego e inflação

Foto: Murici Balbinot
Quanto ao futuro, os dados apontam para uma divisão na expectativa

Uma pesquisa nacional realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) revelou que 61% dos brasileiros consideram que a economia do país está ruim ou muito ruim. Os principais motivos são o desemprego, citado por 67% dos entrevistados, aumento dos preços (60%), alta na taxa de juros (33%) e baixo poder de compra (18%). Apenas 7% dos entrevistados diz que o cenário é positivo.

Os dados mostram ainda uma queda na confiança de 4,3% neste ano. Em abril o indicador registrou 46,9 pontos, contra 49 em janeiro em uma escala vai de zero a 100. Na comparação anual, há elevação: o índice registrou 42 pontos em abril de 2018. 

"Para que a retomada da confiança se consolide, será preciso que o consumidor sinta alguma melhora no momento atual, com o aumento da oferta de vagas de emprego e o avanço da sua renda", disse o presidente da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL), José César da Costa. 

O pessimismo também foi registrado na avaliação das finanças pessoais. Para 38% dos brasileiros, a situação é ruim e somente 13% avaliaram como boa. O alto custo de vida é o principal motivo para a análise negativa, fator citado por 53% dos pessimistas. 

Quanto ao futuro, os dados apontam para uma divisão na expectativa. Hoje, 26% acreditam que a situação vai melhorar - percentual idêntico aos que acreditam que não vai melhorar. Neutros somam 43%. Os otimistas apostam na estabilidade política e os pessimistas dizem que não concordam com as medidas econômicas tomadas pelo governo federal. 



mais sobre:

Economia SPC Brasil



logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 901 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br