oeste

No Oeste, lojistas estimam alta de 15% nas vendas de material escolar

Dirigente diz que expectativa é boa devido à retomada da economia e da geração de empregos

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Levantamento realizado pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Chapecó aponta um incremento de 12% a 15% nas vendas de material escolar no município em relação ao mesmo período do ano passado. De acordo com o presidente da entidade, Clóvis Afonso Spohr, esse aumento deve ocorrer devido à retomada da economia e da geração de empregos.

"Estima-se que esses fatores contribuam para que as pessoas voltem a consumir. Os comerciantes estão mais otimistas e esse aspecto deve influenciar na redução das taxas de juros e no aumento das compras à prazo", ressalta. Para esse período, as recomendações aos lojistas são de organizar o estoque, expor a variedade de produtos e promover condições especiais de pagamento.

Decorar e atualizar as vitrines, informar sobre as promoções, organizar a distribuição do espaço dos estabelecimentos para garantir o fluxo e acesso aos produtos, motivar e treinar os funcionários também são fatores fundamentais para gerenciar o tempo e a eficiência do atendimento.

"Cabe ainda aos lojistas desse segmento oferecer materiais modernos, apresentar as tendências, ter uma diversidade de produtos que atenda a demanda dos estudantes conforme a etapa do ensino e, efetivamente, potencializar a venda, desde um item de uso comum como uma borracha até os materiais mais sofisticados como as mochilas", explica Spohr.


mais sobre:

FCDL Geral Economia




logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br