em alta

Contratação de crédito rural cresce 19% e alcança R$ 75 bilhões

Empréstimos para investimento registraram o maior aumento: alta de 37% no país

O volume de crédito contratado pelos produtores rurais junto aos bancos entre julho e novembro deste ano foi 19% maior do que o mesmo período da safra passada. Com a alta, o montante liberado foi de R$ 75 bilhões no país. Os dados são do Ministério da Agricultura. 

Todas as modalidades e linhas de crédito agrícola registraram alta no período. As operações de custeio agropecuário somaram R$ 43,4 bilhões, resultado 15% superior ao registrado no mesmo intervalo do ciclo passado. Com crescimento de 19%, o desembolso com industrialização chegou a R$ 3,4 bilhões. Já os valores contratados na linha comercialização alcançaram R$ 13 bilhões no período, alta de 19%.

Os empréstimos para investimento totalizaram R$ 15,5 bilhões, 37% de incremento na mesma comparação, o que evidencia a ocorrência da recuperação dos níveis de investimentos no campo. A maior procura pelos recursos utilizados para investimento concentra-se na aquisição de máquinas, implementos, armazenagem e infraestrutura das propriedades em geral.

Para o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Wilson Vaz de Araújo, "o desempenho favorável desses programas revela a importância e a prioridade atribuídas ao processo produtivo sustentável, a necessidade de aumentar a capacidade estática de armazenagem frente a safras cada vez maiores e, por fim, a forte demanda por tecnologia, inovação e modernização do setor agropecuário".





logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br