mercado

Comércio de SC teve o terceiro melhor resultado do ano em setembro

Foto: Murici Balbinot

O volume de vendas do comércio varejista de Santa Catarina oscilou negativamente em -1,4% na passagem de agosto para setembro, segundo dados divulgados pelo IBGE nesta quarta-feira (11). Apesar da queda, o mês registrou o terceiro melhor desempenho de 2020, atrás apenas de junho e agosto. 

Os dados mostram que o Estado consolidou a retomada do patamar pré-crise. Na comparação de setembro de 2020 com setembro do ano passado, a alta é de 10,5%. Os principais setores em alta são móveis e eletrodomésticos (+26,4%), hipermercados e supermercados (+15,9%), artigos farmacêuticos (+11,9%). 

Na contramão, estão com índices negativos as vendas de combustíveis e lubrificantes (-6,8%) e de equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação (-29,5%). A queda nos combustíveis é apontada pela ainda crescente retomada dos transportes. Já a queda nos equipamentos de escritório é explicada pela prática de home office e pela alta base de comparação. 

Além disso, os dados do IBGE traduzem, em parte, a inflação de produtos catarinenses. Enquanto o volume de vendas cresceu 10,5% na comparação entre setembro e setembro, a receita subiu 16,5% no mesmo período. 

Outro quesito apontado pela pesquisa são os itens do chamado varejo ampliado. Neste segmento, o volume de vendas de veículos cresceu 7,6% em comparação a 2019. Os materiais de construção registram alta de 31,1%. 

O acumulado do ano em Santa Catarina para o varejo comum é positivo em 4,9% e os últimos 12 meses em 6,3%. 

 

mais sobre:

Economia Geral IBGE


logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br