mercado

Chocolates artesanais ganham espaço na preferência dos catarinenses nesta Páscoa

Foto: Agência Brasil

Mais da metade dos catarinenses (55,2%) deve fazer as compras de Páscoa na semana que antecede a data, conforme aponta pesquisa realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de SC (Fecomércio/SC) em sete cidades do Estado.

Os produtos artesanais vêm ganhando cada vez mais espaço na preferência do consumidor: dois em cada dez pretendem comprar chocolates artesanais em 2021, 11% a mais do que no ano passado. Por outro lado, a escolha por chocolates em geral industrializados reduziu-se de 39,3% para 33,9%, acompanhando também de uma queda de 9,7% na demanda por ovos de Páscoa industrializados (24,5%).

As incertezas provocadas pela pandemia e a percepção sobre a situação financeira - 43,1% consideram que piorou- podem influenciar as compras. O consumidor deve gastar, em média, R$ 128,44 na data- queda de 13,9% na comparação com 2020 (R$ 149,11).

Pelo menos 66,3% dos entrevistados querem fazer pesquisa de preço antes de garantir os produtos. O principal destino de compras será o supermercado (53%), seguido pelo comércio de rua (20,6%), que reduziu consideravelmente a participação em relação ao ano anterior (29,3%).

Já em relação à intenção de forma de pagamento, a maioria dos consumidores estaduais tem como objetivo pagá-las à vista. A opção à vista em dinheiro ficou em 39,9%, redução considerável em relação a 2020 (71,9%). Os consumidores em Santa Catarina apresentaram maior intenção de compras no cartão de débito, que passou de 10,3% para 24,0%, seguido pelo cartão de crédito à vista (16,7%).

A pesquisa foi realizada com 1.123 pessoas, no período entre 24 de fevereiro e 9 de março, nas cidades de Blumenau, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Joinville, Lages e Itajaí.





logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br