mercado internacional

China responde por 35,9% de toda a carne suína exportada por SC

08 Novembro 2018 18:18:00

Chineses se tornaram o principal comprador do produto em 2018 após o embargo russo. Aumento dos embarques para o país asiático passam de 180% em comparação com o ano passado

Foto: Arquivo Folha do Oeste
Embargo russo e aumento exponencial das compras fez China alcançar o primeiro lugar em 2018

Com o embargo realizado pela Rússia à carne suína brasileira durante boa parte de 2018, a China consolidou-se como grande compradora do produto neste ano. Em 2017, os russos foram os maiores compradores, mas em 2018 os chineses adquiriram 35,9% das exportações de carne suína catarinense e fixaram-se como o principal destino. De janeiro a outubro, a quantidade enviada para os chineses aumentou 180,8% e gerou receita de US$ 182 milhões. 

Somente no mês passado, os embarques com destino à China aumentaram 351% e representaram US$ 17,7 milhões. Foram enviadas 10,1 mil toneladas, 4,5 vezes a quantidade vendida em outubro de 2017. O faturamento aumentou na mesma proporção. 

Além da China, SC exporta para mais de 100 países. Na comparação entre setembro e outubro, o Estado ampliou em 60,4% as exportações - foram 33,4 mil toneladas de carne suína. O faturamento foi de US$ 56,5 milhões - 22,8% a mais do que em outubro de 2017.

De janeiro a outubro deste ano, Santa Catarina respondeu por 50,5% das exportações brasileiras de carne suína. O Estado vendeu 264,9 mil toneladas do produto para o mercado internacional, aumentando em 13,3% a quantidade em relação ao mesmo período do último ano. O faturamento já passa de US$ 496 milhões.

Frango

O Estado também aumentou os embarques de carne de frango. Foram exportadas 107,3 mil toneladas do produto em outubro - 28,6% a mais do que o mesmo período do ano passado - um ganho de US$ 174,2 milhões. Os principais mercados são Japão, Arábia Saudita e China.

A carne de frango é o principal produto da pauta de exportações catarinense e já trouxe receitas de US$ 1,5 bilhão para o estado. Ao longo deste ano foram embarcadas 874,3 mil toneladas do produto, 5,9% a mais do que no mesmo período de 2017.





logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 901 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br