ARTIGOS

Inovar para ser o diferencial positivo, por Aldo Mees

Todo empreendedor que deseja vencer sabe que agilidade e eficiência, preços acessíveis e responsabilidade social são fatores essenciais para o crescimento. Mas alcançar uma posição de destaque para ter segurança e certeza de prosperidade exige algo a mais do que os inúmeros competidores já fazem. Somente uma boa ideia não é suficiente. 

Em 1996, quando decidimos criar uma empresa para ajudar prefeituras, câmaras de vereadores, autarquias e demais órgãos públicos que fazem gestão pública a prestarem um serviço de alta qualidade e sem burocracia, sabíamos que a ideia não era novidade. A alternativa para buscar espaço e se consolidar era inovar, buscar uma solução que nos desse protagonismo com qualidade.

Durante cerca de oito longos anos, investimos no desenvolvimento e homologação de um sistema próprio de cloud computing. Assim, fomos os primeiros no Brasil a criar um framework próprio, dentro do padrão internacional para fabricação de softwares.

Enquanto no exterior a gestão pública digital é um ideal para governos há muito tempo, no Brasil a tendência vem crescendo na última década. Em 2018, 30% de instituições de vários setores governamentais já viviam essa realidade, focados nas metas de economizar recursos públicos, aumentar a arrecadação, evitar desperdícios, contribuir para a melhora do meio-ambiente, com um corte contundente no uso de papel, e, principalmente, atender melhor a população. E a tendência é esse número continuar aumentando incansavelmente.

Mas o grande problema no Brasil era o alto custo para a implantação da gestão digitalizada. Adquirir servidores, licenciamento de sistemas, espaço físico ideal, fazer a manutenção dos equipamentos, ter energia, refrigeração e segurança física exigia um suporte financeiro muito elevado, algo que em um país com carga tributária tão elevada quanto a nossa tornava inviável o processo.

Aqueles oito anos de esforço, de investimento e perseverança valeram a pena, pois fomos os pioneiros no país a ofertar a possibilidade de gestores públicos armazenarem dados em um único ambiente, a internet, em servidores totalmente seguros na nuvem. Isso permite que administradores - e, principalmente, o cidadão - possam acessar o sistema do município de qualquer lugar do mundo, 24 horas por dia, sete dias por semana, por meio de qualquer dispositivo conectado à internet, quer seja computador, tablet ou smartphone. Ao avaliar isso, tenho ainda mais certeza de que buscar um diferencial é o segredo para o sucesso.

Por Aldo Mees, diretor-presidente da IPM Sistemas





logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br