ARTIGOS

Artigo

A necessária reinvenção do setor de eventos, por Develon Rocha

O setor de eventos precisa se reinventar. Toda a criatividade, inovação e experimentação, características sempre presentes no meio, agora devem ser ainda mais potencializadas, proporcionando a retomada pós-pandemia. Usar a tecnologia em favor da realização dos eventos é um dos caminhos a serem seguidos, sempre respeitando as normas de segurança sanitária.

Em Blumenau, a Ablutec trabalha na organização do Festival Brasileiro da Cerveja, paralelo com a Feira Nacional e o Concurso Brasileiro de Cervejas em março de 2021, como um símbolo deste reinício. Já que a edição de 2020 ocorreu pouco antes do início do isolamento social.

Mas até lá não podemos ficar de braços cruzados. Se a segurança dos envolvidos nos eventos é essencial, também é impositivo resgatar a promoção de eventos, atividades multidisciplinares, oportunidades para empreender e geradoras de receita e empregos. Dados da Santur indicam que o setor responde por 15 mil vagas diretas no estado. Somos criativos e, mais uma vez, demonstraremos capacidade de superação.

Na expectativa de soluções, vamos observar as melhores práticas em todos os polos de turismo e eventos, algo habitual mesmo antes da pandemia, quando nos espelhávamos em exemplos de sucesso de eventos híbridos, que combinavam a experiência presencial com atividades virtuais. Uma alternativa em alta atualmente também é trabalhar com escalas, onde cada visitante tem horário para entrar e sair, respeitando os protocolos de segurança, com o devido distanciamento físico e a higienização constante.

O setor gastronômico de Blumenau tem conseguido se reinventar, como foi demonstrada na experiência do roteiro gastronômico delivery, em abril último, quando um grupo de restaurantes locais trabalhou em conjunto na adaptação dos seus serviços para a entrega a em domicílio ou retirada no balcão. A iniciativa se tornou inspiração para muitas outras regiões, comprovando que estamos aprendendo juntos, promotores e fornecedores. Essa união e disposição já faz a diferença.


Por Develon da Rocha, presidente da Associação Blumenauense de Turismo, Cultura e Eventos (Ablutec)



mais sobre:

Artigo


logo_rodape.png

Rua Adolfo Melo, 38 - Sala 902 - Centro | Florianópolis-SC | CEP: 88015-090 |
(48) 3298-7979 | jornalismo@adjorisc.com.br